Fisioterapia Geriátrica: Entenda a Importância

A terceira idade chega para todos, e junto a ela, o envelhecimento fisiológico. Algumas das consequências desse processo natural são:

 

  • Perda de sensibilidade;

  • Perda de controle sob os movimentos corporais;

  • Maior cansaço;

  • Diminuição do equilíbrio.

 

Por isso, atividades diárias como banho, alimentação e até mesmo o ato de se vestir, passam a ser dificultosas. 

A partir disso, a Fisioterapia Geriátrica foi criada. Mas afinal, o que é esse tratamento?

 

O que é a Fisioterapia Geriátrica?

 

A Fisioterapia Geriátrica é um tratamento que atua na busca pela melhoria dos sintomas do envelhecimento, ou seja, tentando melhorar a qualidade de vida dos mais idosos. Além disso, ela atua não somente na saúde física do idoso, mas também na promoção do bem-estar e da qualidade de vida, por facilitar as atividades do dia-a-dia.

A terapia é recomendada para pessoas maiores de 65 anos. No entanto, não é necessário que o paciente atinja essa idade para que ingresse a essa especialidade de fisioterapia.

Diante disso, é preciso entender como funciona a Fisioterapia Geriátrica. 

 

Fisioterapia geriátrica: como funciona o tratamento

 

A modalidade de terapia para idosos deve ser realizada de forma humana e criativa. Por tratar diretamente com complicações cognitivas e motoras, o profissional da área deve ser bem qualificado.

O tratamento é tão delicado que, por exemplo, trata pessoas em recuperação de fraturas que foram causadas devido a quedas. Desse modo, o terapeuta adota diversas soluções flexíveis para que o tratamento seja bem sucedido.

No entanto, vale ressaltar que os resultados não são os mesmos para todos os pacientes. Isso acontece por conta dos diferentes casos, que podem ser muito específicos a cada organismo do idoso.

 

Alternativas de tratamento

 

Dentro da Fisioterapia Geriátrica, existem outros tratamentos além do convencional dentro da clínica. Por isso, confira algumas alternativas para restabelecer a saúde do idoso:

 

Tratamentos na água

 

A hidroterapia pode ser associada a Fisioterapia Geriátrica, pois também é um tratamento que oferece diversos benefícios ao idoso. Com a realização dos exercícios na água, os mais velhos podem conquistar:

  • Ganho da força que é perdida com o passar dos anos;

  • Diminuição da tensão muscular;

  • Diminuição do risco de lesões;

  • Aumento do equilíbrio;

  • Diminuição da dor;  

  • Melhora da respiração;

  • Promove relaxamento muscular;

  • Amplia a movimentação corporal.

 

Tratamento em grupo

 

Outra alternativa da Fisioterapia Geriátrica é que ela pode ser feita em grupo. As vantagens desse tipo de tratamento estão na melhora da qualidade de vida do idoso.

Em contato com mais pessoas, os mais velhos conseguem socializar, de modo a contribuir para a melhora do estado emocional deles. 

 

Terapeuta para idosos: aprenda a escolher o adequado

 

Como dito anteriormente, o profissional da área de Fisioterapia Geriátrica lida com pessoas em situações muitas vezes delicadas. Por isso, para escolher o melhor serviço, atente-se a estas questões:

 

Boa pré-avaliação dos mais velhos

 

O terapeuta deve realizar uma anamnese completa, a fim de entender todas as necessidades do paciente, além de avaliar riscos futuros.

De modo a ajudar o fisioterapeuta, é importante que o idoso ajude a explicar todas as suas dores e qualquer queixa que ele tenha. Assim, o tratamento será adequado ao paciente em específico.

 

Abordagem humanizada

 

Quando se trata de pessoas idosas, é necessário que haja humanização dentro dessa relação comunicativa. 

Dentro da Fisioterapia Geriatrica serão encontrados pacientes mais lentos tanto fisicamente, quanto mentalmente. Por isso, será necessário que o profissional seja paciente e cuidadoso.

 

Utilização de diversos métodos 

 

É importante frisar que o terapeuta deve identificar todas as complicações pré-existentes dos pacientes. Isso se dá porque é comum encontrar idosos com problemas mais sérios, que demandam um cuidado específico. 

Por isso, caso o fisioterapeuta utilize as mesmas técnicas e métodos com todos os idosos, pode significar que o trabalho não é adequado. 

 

Consequências de não investir na Fisioterapia Geriátrica

 

Os principais problemas em não realizar a Fisioterapia Geriatrica estão na piora dos sintomas comuns e naturais do envelhecimento. 

A dificuldade motora, que com o tratamento poderia ser reduzida, pode ficar cada vez maior. A sensibilidade deve diminuir e o controle do corpo tende a se tornar mais baixo com o passar do tempo.

Por outro lado, a ingressão na fisioterapia pode apresentar vários benefícios.

 

Benefícios da Fisioterapia Geriatrica

 

A Fisioterapia Geriatrica promove diversos benefícios na saúde do idoso, tanto emocionais quanto físicos. Abaixo estão os principais resultados positivos do tratamento:

  • Diminuição de dores nas articulações e nos músculos;

  • Tratamento de problemas cardiovasculares;

  • Melhora da respiração;

  • Recuperação da postura corporal;

  • Fortificação dos músculos e das articulações;

  • Aumento da flexibilidade;

  • Promoção da independência física;

  • Melhoria de doenças associadas à alta idade.

 

O campo psicológico é ajudado a partir da promoção do bem-estar, resultante da recuperação da capacidade física do idoso.

 

Tratamento

A Ampiezza oferece o tratamento fisioterapêutico geriátrico de qualidade, administrado por profissionais bem qualificados e que se adaptam ao perfil de cada paciente. Agende uma consulta e restabeleça a saúde dos mais velhos. Entre em contato agora com uma de nossas unidades através deste link.


 

Estamos no WhatsAppwhatsapp