Nutrição

O acompanhamento da nutricionista te ajuda a viver melhor

 
Conceito de Nutrição

A Nutrição é a ciência que estuda os nutrientes e a sua influência no corpo e na alimentação. Ela aborda o modo como os seres humanos obtêm energia e absorvem nutrientes dos alimentos, o que faz toda a diferença na qualidade da saúde das pessoas. 

 

Essa relação é observada e melhorada pelo nutricionista, que promove hábitos saudáveis e que trazem longevidade para aquelas pessoas que se alimentam com qualidade, com hábitos saudáveis. Para isso, os nutricionistas estudam o corpo e a forma como os alimentos influenciam seu funcionamento. Se interessou? Então continue a leitura para se informar e buscar a melhor solução para o seu problema!

 

O papel do nutricionista

O nutricionista é o gerador de novas atitudes em relação à comida.

 
Ele cuida de várias questões ligadas à alimentação, em todos os seus aspectos: 
  • Biológicos
  • Nutricionais 
  • Culturais 
  • Sociais. 

 

Também propõe e incentiva importantes mudanças no modo das pessoas se alimentarem, visando uma vida bem mais saudável e equilibrada, mas respeitando as características individuais. 

 

A importância de fazer boas escolhas alimentares

Os alimentos têm enorme importância no funcionamento regular do nosso corpo, por isso a alimentação é um tema de muita importância para a saúde geral. Dessa maneira, o nutricionista que é um profissional da área da saúde, cumpre o papel de proporcionar bem-estar e qualidade de vida a seus pacientes. 

 

Faz parte da alçada do nutricionista, compreender como cada categoria de alimento é processada dentro do organismo, quais são os seus benefícios e os danos. Através de cálculos, com o conhecimento sobre o valor nutricional de cada alimento ele vai elaborar planos alimentares de acordo com o objetivo do paciente.

 

A atuação do nutricionista clínico 

São aqueles profissionais que atendem em consultórios, criando dietas específicas para a necessidade de seus pacientes, seja prevenindo ou tratando doenças (como a diabetes tipo 2 e a hipertensão) e fazendo orientações e o acompanhamento de pacientes, que:

 

  • Possuem restrições alimentares
  • Buscam maior qualidade de vida
  • Desejam perder peso e os que 
  • Precisam mudar seus hábitos alimentares por motivos de saúde, etc. 

 

A escolha por alimentos saudáveis

Um dos pontos mais desafiadores e que mais geram conflitos entre pacientes e nutricionistas é o hábito de consumir grande quantidade de comida pronta, industrializada. Esses alimentos são cheios de substâncias nocivas à saúde, pois têm muitos corantes, gorduras saturadas, açúcares e sódio, em sua composição. 

 

Eles são extremamente pobres em nutrientes vitais para a manutenção da saúde do corpo humano, provocando diversas consequências negativas. Atualmente, as pessoas não têm mais o costume ou não sabem como preparar refeições saudáveis e balanceadas no dia a dia. Isso as leva a consumir algo mais fácil e muito menos nutritivo.

 

Quando há um entendimento melhor não apenas dos nutrientes necessários, mas, também, dos ingredientes e do modo de preparo adequado, é mais fácil buscar opções saudáveis de alimentação.

 

Nutritivo. Saudável. Saboroso

É possível comer algo saboroso e saudável, bem-feito, com bastante nutrientes. Tudo sempre vai depender da forma como eles serão preparados, da satisfação que adquirem com a alimentação. 

 

Conhecer receitas melhores e mais saudáveis permite uma dieta mais nutritiva sem ter que sacrificar o sabor e a satisfação no dia a dia. Não é nem necessário deixar de lado a praticidade, pois muitas mudanças de hábitos não exigem muito mais trabalho na hora do preparo dos alimentos. 

 

A alimentação baseada em pratos bem mais saborosos vai facilitar a aceitação pelo paciente do trabalho do nutricionista, por exemplo, com:

 

  • Mais opções de alimentos nos planos alimentares

É normal que o cliente proteste por ingredientes que não conhece ou não são do seu agrado. Opções de transição são excelentes para o cliente se adaptar ao novo programa alimentar, que necessitará de aceitação a médio e longo prazo.

 

  • Diversificação das fontes de vitaminas 

Uma dieta engessada e que tem o mesmo cardápio por um período longo cria desinteresse no paciente e facilita a quebra. 

 

  • O acesso entre paciente e nutricionista

A facilidade de comunicação entre ambos e o livre acesso, garantem foco na dieta por muito mais tempo e a capacidade dos pacientes em atender as orientações, o que aumenta o efeito do plano alimentar.

 

  • Linguagem simples para falar sobre alimentação

Dizer que alguém precisa de mais potássio é bem diferente de dizer que precisa comer mais batatas cozidas, em vez de fritas.

 

  • Aumenta a adesão ao plano alimentar

Mudanças drásticas exigem tempo, mesmo que sejam para manter a saúde do seu cliente.

É importante ter opções de pratos que ofereçam os nutrientes certos, mas sem sacrificar o sabor.

 

A Ampiezza cuida da sua saúde, tratando e prevenindo dificuldades na alimentação, marque uma consulta com a nutricionista e descubra como se alimentar com muito mais saúde e atenção. A sua qualidade de vida e o seu bem-estar são a nossa prioridade!

 

Estamos no WhatsAppwhatsapp